Gamboa do Morro Cairu|BA

Novembro, 2018

Gamboa é o local ideal para relaxar, curtir a simplicidade da vida e renovar as energias!

Vista da janela do nosso quarto!

Onde ficar em Gamboa do Morro?

Geralmente as pessoas ficam apenas em Morro de São Paulo mas decidimos que conheceríamos também um lado menos agitado da Ilha nos primeiros dias de nossa viagem e Gamboa nos surpreendeu!

A tranquilidade em meio à Natureza foi o que nos levou à escolher essa Vila que fica bem próximo à Morro de São Paulo, o primeiro passo foi saber onde ficar em Gamboa e nas nossas pesquisas encontramos a casa perfeita para passar esses dias por lá.

Gostamos tanto da casa que faremos um post só pra ela mas já adianto que encontramos por um preço bem bacana no Airbnb um site que te ajuda a encontrar hospedagens muitas vezes com preço mais em conta, seja um quarto ou uma casa inteira como foi no nosso caso.

Entrando pelo nosso link você ganha um super desconto.

COMO CHEGAR EM GAMBOA DO MORRO?

Para chegar em Gamboa assim como em Morro as opções são transportes Semi Terrestre, Catamarã ou Helicóptero. Optamos pelo Semi Terrestre pois pelo tempo que aparecia nos sites que pesquisamos a diferença era bem pouca caso optássemos pelo Catamarã e o Helicóptero não foi opção já que queríamos uma viagem gastando pouco rs.

Logo que chegamos no Aeroporto de Salvador procuramos o guichê da Cassi Turismo agência que reservamos o semi terrestre pelo Whatsapp e tínhamos que acertar o valor na hora.

O aeroporto estava em reforma, o que deixou tudo bem confuso corremos para o guichê pois já estávamos próximos do horário de saída do transfer mas na verdade na Bahia não tem horário de verão então ficamos mais uma hora no aeroporto.

Aproveitamos para almoçar já que no vôo eles não oferecem nada grátis, apenas água e estávamos com fome. Voamos pela Latam ida e volta.

VALE A PENA O SEMI TERRESTRE?

Lá no guichê da Cassi Turismo o atendente com sotaque espanhol nos informou que só aceitavam dinheiro em espécie e tivemos que procurar onde sacar pois ele nos ofereceu desconto para já deixar pago a volta.

Mas acabamos não voltando com eles para Salvador e sim com o Catamarã da Biotur saindo do píer de Morro de São Paulo e esse valor que já tínhamos pago trocamos pelo passeio “Volta à Ilha”.

O motivo de não voltarmos de semi terrestre foi que descobrimos que na verdade o semi terrestre é o mais demorado. Pelo menos com essa agência que fomos, Cassi Turismo.

Depois de pegar um vôo em Ribeirão Preto cidade que fica à 1 hora de carro de Araraquara onde moramos e uma conexão do Aeroporto de Congonhas em São Paulo para o Aeroporto de Salvador que foi até um trajeto tranquilo, tivemos que encarar aproximadamente 4h:30min de traslado Semi Terrestre.

Pegamos uma Van do aeroporto até o Terminal Turístico Marítimo de Salvador e de lá um tipo de Catamarã (Lancha de Mar Grande/Ferry) sentido Ilha de Itaparica, descemos em Vera Cruz e de lá fomos de micro ônibus até Ponta do Curral no atracadouro Bom Jardim próximo à Valença e de lá uma lancha rápida até o píer de Gamboa. Caso você vá primeiro para o píer de Morro de São Paulo o trajeto é o mesmo.

Como fizemos esse semi-terrestre com agência você depende de vários fatores pois envolve mais pessoas então é fácil ter atraso. Quem nos alertou que demoraria foi a responsável pelo nosso Airbnb na hora de combinarmos o encontro, ela mesma disse que eles falam um horário mas na verdade é outro.

Você tem a opção de ir de carro também e deixar o carro em estacionamentos próximos à Valença ou se for de Catamarã deixar em Salvador e apenas fazer a travessia.

Da outra vez que fomos para Morro de São Paulo chegamos pelo Sul da Bahia e achamos o caminho muito mais bonito e dá pra você fazer algumas paradas. Vale se planejar!

VIDA NOTURNA EM GAMBOA

Chegamos na casa do Airbnb já à noite então sugerimos que você não planeje nada para o primeiro dia já que será praticamente o dia todo viajando. 

Ao contrário de Morro de São Paulo, a vila de Gamboa não tem muito agito noturno, mas é possível que esteja ocorrendo alguma programação diferenciada na época que você for então sempre é bom perguntar aos moradores locais.


 Lancha Táxi

Caso queira ir para morro e voltar na mesma noite, existe transportes que saem de hora em hora do píer. No nosso caso como íamos para Morro depois, só no dia que saímos da casa pegamos a Lancha Táxi na praia e rapidinho estávamos no píer de Morro, que é bem do lado.

Logo próximo ao Píer você encontra o Centrinho da vila, com alguns bares e supermercados que fecham em torno de 22:00h. Achamos até que justo alguns preços no mercadinho que fomos de lá mas é uma ilha então não espere os preços praticados na sua cidade. Lá aceitam cartão normalmente mas leve dinheiro pois na praia alguns lugares não aceitam ou pode estar com problema a máquina e por lá não tem banco.

Se ficarem em Airbnb lembrem-se de comprar algumas coisas para comer e preparar no local. Nós optamos por levar algumas coisas na mala o que ajudou a não precisarmos pensar em onde comeríamos logo na chegada pois já estávamos cansados. Nossa casa ficava à uns 15 min do Píer andando devagar havia apenas uma subida mais íngreme no caminho. Assim como em Morro lá tem os carregadores de mala mas não precisamos.

O QUE FAZER EM GAMBOA?

As praias em Gamboa são bem tranquilas, água limpinha e quente. Ficamos mais próximos da Praia da Argila que ficava 5min da casa. Lá muitos turistas chegam de Morro a pé na maré baixa para se lambuzar no paredão de argila e depois tomar um banho de mar.

Por falar em Argila esse é um local que a maioria das pessoas vão incentivadas pelos rumores de que a Argila é medicinal. Realmente a pele fica muito boa e é fácil encontrar várias pessoas passando em todo o cabelo tambem!

Você pode fazer pequenas trilhas, alugar caiaques e fazer passeios de barcos por lá. Se tivéssemos mais dias e não tivesse chovido quase todas as manhãs iríamos na “Fonte do Céu” uma pequena e deslumbrante queda d’agua dentro da Mata Atlântica. Vá com alguém que já conheça o caminho.

ONDE COMER EM GAMBOA?

Como infelizmente ficamos poucos dias por lá não exploramos tanto a culinária de outros restaurantes mas super indicamos o “Na Ponta da Argila”. Chegando no paredão de argila ele é o primeiro.

Com certeza quem vai chamar sua atenção para o local são as pessoas que trabalham lá e não a fachada. Dê um voto de confiança como demos e tenho certeza que não vão se arrepender.

Comida boa, bebidas e drinks com frutas preparados na hora tudo no maior capricho! Você ainda tem uma visão privilegiada no “espaço VIP” deles rs onde pudemos até apreciar uma família de macaquinhos sagui passando por lá, o que é fácil de acontecer porquê por todo lado tem árvores e muito verde em Gamboa.

  

                                         

O preço também foi ótimo, dificilmente você acha algo parecido em Morro nos restaurantes “pé na areia”. Fora a hospitalidade e as histórias que ouvimos por lá de inspirar qualquer aventureiro!

                                           

Se quiser andar mais um pouco você encontra barracas e alguns restaurantes mais no começo da vila com um pouco mais de estrutura, tem para todos os gostos e bolsos.

DE BOA NA GAMBOA!

Como complemento assista nosso vídeo se ainda não viu, no geral recomendamos muito Gamboa. Natureza, tranquilidade, segurança praias lindas e um povo alto astral que te recebe muito bem.

Não deixe de conferir o post sobre Morro de São Paulo e Salvador, nossos próximos destinos!

Até mais amantes da liberdade!

Assista nossos vídeos!

Tem vários vídeos no nosso canal com dicas também! Confira!
Mais informações sobre esse destino clique aqui.

Quer saber como viajar mais gastando pouco?