Não podemos negar que estamos em uma das épocas do ano mais tentadoras para o consumo, Black Friday e Natal fazem borbulhar nossas mídias sociais de promoções e oportunidades “imperdíveis”. Nessa hora o que você precisa ter em mente é o quão organizado financeiramente você está para saber tomar as melhores decisões e não se deixar levar pelo espírito amigável dos lojistas.

Vamos te dar algumas dicas para você não se endividar nesse Natal e ser livre para tomar sua própria decisão de qual o significado dessa época pra você, vamos fazer nossa parte mas você vai precisar fazer a sua que será separar uns minutinhos do seu dia para olhar para suas contas e se planejar, ok?

1 – Checar fatura do cartão, parcelas e contas a pagar.

Essa é a hora de pegar aquela última fatura do cartão de crédito e ver o quanto você ainda deve de parcelas somar tudo e ter a real noção do quanto é o seu saldo devedor.

2 – Quanto vai gastar com presentes?

Sabendo do valor das suas dívidas você pode estipular um limite de gastos para presentes e as pessoas que você não pode deixar de presentear.

Vai entrar um dinheiro extra, como o décimo terceiro? Antes de já ir gastando lembre-se que ele pode te ajudar nas contas de início do ano, e só o inclua na conta após se certificar que reservou o suficiente.

 

Fez as contas e viu que tem o suficiente para os presentes?

Já pode começar a lista e ir pro item 3!

Fez as contas e não sobrou nada?

Pode ser difícil mas será necessário ser honesto(a) com você mesma e seus familiares. Afinal, do que adianta se endividar, viver um Natal cheio de presentes e aparências mas depois não conseguir equilibrar suas finanças e perder o sono? Se o melhor que você puder contribuir for com uma presença animada e contagiante, muitas histórias e momentos em família que seja! Se algum parente olhar torto é porque já iria olhar mesmo, com ou sem presentes! E no final você pode servir de incentivo para muitos endividados na família!

3 – Lista de presentes

Faça uma lista com as pessoas que você vai presentear e na frente estipule um valor para cada uma delas ficando de olho caso precise reduzir para caber na meta do total geral.

Sempre opte por pagamento à vista e peça descontos!

Tem mais dicas valiosas? Deixe aqui nos comentários!